December 28, 2015

Lyrics

Tente me entender
Tento me encontrar
Quero te perder
Quero te ganhar

Não tenha vergonha mais
Não peça desculpas mais
Não é brincadeira mais
Não é culpa sua mais

Tento andar descalço nas calçadas onde passo tem a cor da manhã
Piso numa possa, passo perto de uma moça de vestido cor maçã
Quase não entrego meu sorriso amarelo tem o tom da canção que eu cantava
Amanhecia eu não via o ceu clarear
O que eu queria era mesmo não ter medo de ver tudo acabar
E de repente voltar a encontrar você

Era pra valer
Era de acabar
Quando ia ceder
Quanto ia aguentar

Não me dê motivos mais
Mas me dê carinho mais
Não tenho controle mais
Não quero sofrer jamais

Tento andar descalço nas calçadas onde passo tem a cor da manhã
Piso numa possa, passo perto de uma moça de vestido cor maçã
Quase não entrego meu sorriso amarelo tem o tom da canção que eu cantava
Amanhecia eu não via o ceu clarear
O que eu queria era mesmo não ter medo de ver tudo acabar

Em toda canção que eu cantava
Amanhecia eu não via o ceu clarear
O que eu queria era mesmo não ter medo de ver tudo acabar
No tom da canção que eu cantava
Amanhecia eu não via o ceu clarear
O que eu queria era mesmo não ter medo de ver tudo acabar

Show moreShow less